Dólar Hoje Euro Hoje
quinta-feira, 25 julho, 2024
Início » Papa Francisco denuncia o horror do tráfico humano: ‘Hora de agir contra este drama global!’

Papa Francisco denuncia o horror do tráfico humano: ‘Hora de agir contra este drama global!’

Por Marina B.


Neste dia 8 de fevereiro, marcando o 10º Dia Mundial de Oração e Reflexão contra o Tráfico de Pessoas, o Papa Francisco emitiu uma mensagem enfatizando a urgência de “agir” contra este “drama global”.

O Pontífice lembrou a memória litúrgica de Santa Josefina Bakhita, celebrada hoje, destacando sua própria história como vítima de tráfico, vendida como escrava quando criança.

“Lembremos da injustiça que ela sofreu, suas tribulações, mas também sua coragem e sua jornada de libertação e renascimento para uma vida nova. Santa Bakhita nos encoraja a abrir os olhos e ouvidos para ver os invisíveis, ouvir aqueles que não têm voz, reconhecer a dignidade de cada ser humano e agir contra o tráfico e toda forma de exploração”, enfatizou.

Francisco alertou que o tráfico muitas vezes é invisível e que muitos são anestesiados pela “cultura da indiferença”, ressaltando a importância de “reagir”. “Ajudemo-nos uns aos outros a reagir, a abrir nossas vidas e corações para muitas irmãs e irmãos tratados como escravos. Nunca é tarde para decidir fazer isso”.

O Papa reconheceu o entusiasmo e o compromisso de muitos jovens com essa causa, destacando que o caminho é “escutar, sonhar e agir”.

“É essencial ter a capacidade de ouvir os que estão sofrendo. Penso nas vítimas de conflitos, guerras, nas pessoas afetadas pelas mudanças climáticas, nas multidões de migrantes forçados, naqueles que são objetos de exploração sexual ou trabalhista, especialmente mulheres e meninas. Ouçamos seus gritos de socorro, deixemo-nos interpelar por suas histórias; e, juntamente com as vítimas e os jovens, voltemos a sonhar com um mundo onde as pessoas possam viver em liberdade e dignidade”, declarou.

Rezar e agir O Papa ressaltou a necessidade de ações concretas no combate ao tráfico de pessoas e convidou os fiéis a orar e agir, tanto pessoalmente quanto em suas famílias e na sociedade em geral.

“Sabemos que é possível combater o tráfico, mas precisamos enfrentar suas raízes, erradicando suas causas (…) É um apelo para não ficarmos parados, mobilizarmos todos os nossos recursos na luta contra o tráfico e restaurar plenamente a dignidade daqueles que são suas vítimas. Se fecharmos os olhos e os ouvidos, se permanecermos inertes, seremos cúmplices”, enfatizou.

Por fim, o Papa agradeceu e abençoou todos os que trabalham e desejam se engajar contra todas as formas de exploração, com o desejo de “construir um mundo de fraternidade e paz”.

Você pode se Interessar

Deixe um Comentário

Sobre nós

Somos uma empresa de mídia. Prometemos contar a você o que há de novo nas partes importantes da vida moderna

@2024 – Todos os Direitos Reservados.