Dólar Hoje Euro Hoje
segunda-feira, 15 julho, 2024
Início » Rio na frente: O CIS-RJ é a revolução silenciosa na saúde que você precisa conhecer

Rio na frente: O CIS-RJ é a revolução silenciosa na saúde que você precisa conhecer

Por Alexandre G.

Desde a sua inauguração em 14 de julho de 2023, o Centro de Inteligência em Saúde (CIS) tem se destacado como uma referência nacional no uso da inteligência digital. Desenvolvido pela Secretaria de Estado de Saúde (SES-RJ) com o apoio da Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS), o CIS celebra seis meses de progresso, incluindo a expansão do monitoramento epidemiológico no Rio de Janeiro e a agilização da regulação de exames, consultas e procedimentos desde o seu estabelecimento.

No ambiente do CIS, o Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde (CIEVS) monitora emergências de saúde pública, enquanto os Sistemas de Informação em Vigilância agregam dados essenciais, facilitando a detecção em tempo real de possíveis epidemias. A Central Estadual de Regulação e Transferência Inter-Hospitalar (TIH) também opera no mesmo espaço, inovando com equipes de navegadores que acompanham todo o processo de regulação.

A secretária de Estado de Saúde, Claudia Mello, destaca que os painéis de monitoramento do CIS-RJ têm proporcionado um melhor entendimento do comportamento das doenças de notificação compulsória, possibilitando ações mais rápidas e eficazes nas unidades de saúde.

Claudia Mello afirma: “O CIS é uma grande ferramenta de gestão, que, em tempo real, nos apresenta indicadores de possíveis cenários de agravo. Isso permite maior capacidade resolutiva e mais eficiência. Nossa ideia, ao implantar o Centro de Inteligência em Saúde, foi também compartilhar com outros gestores todo o conhecimento adquirido.”

O Sistema Estadual de Regulação (SER) registrou 360.733 agendamentos em 2023, um aumento significativo em comparação com as 253 mil regulações de 2022. O CIS desempenhou papel fundamental nesse crescimento, unificando setores em um mesmo ambiente e implementando iniciativas como revisões de filas para reduzir o absenteísmo em 40% em 2023.

O Transporte Inter-Hospitalar (TIH), parte integrante do CIS, também apresentou números expressivos em 2023, com 12 mil transferências de pacientes entre unidades de saúde. A frota de ambulâncias foi expandida, e diversas melhorias foram implementadas para assegurar a segurança e eficiência do transporte inter-hospitalar.

O reconhecimento do CIS como referência nacional foi destacado em eventos como o II Encontro da Rede Estadual do Centro de Inteligência Estratégica para a Gestão do SUS (Cieges), onde o CIS foi apresentado como modelo para o Brasil. A equipe de Vigilância Epidemiológica da SES-RJ também conquistou o segundo lugar na 7ª Mostra Nacional de Experiências Bem-Sucedidas em Epidemiologia, Prevenção e Controle de Doenças, em Brasília, destacando as ações do CIS no combate à influenza aviária e seu papel crucial como ferramenta digital de monitoramento de doenças.

Você pode se Interessar

Deixe um Comentário

Sobre nós

Somos uma empresa de mídia. Prometemos contar a você o que há de novo nas partes importantes da vida moderna

@2024 – Todos os Direitos Reservados.