Dólar Hoje Euro Hoje
quarta-feira, 24 julho, 2024
Início » Plano de longo prazo do governo: Subsídios e crédito público para alavancar indústrias até 2033

Plano de longo prazo do governo: Subsídios e crédito público para alavancar indústrias até 2033

Por Alexandre G.

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) está prestes a lançar, nesta segunda-feira (22), o ambicioso plano “Nova Indústria Brasil”, um programa destinado a impulsionar o setor industrial brasileiro. Com linhas de crédito, subsídios públicos e um foco renovado na política de conteúdo local, o objetivo é elevar a competitividade até 2033.

A minuta do plano, divulgada pela Folha de S.Paulo e acessada pela GloboNews, estabelece metas de desenvolvimento industrial para a próxima década, juntamente com ações de curto prazo a serem implementadas até o final do mandato de Lula, em 2026.

O planejamento, concebido após seis meses de discussões no Conselho Nacional de Desenvolvimento Industrial (CNDI), destaca as ações governamentais como fatores cruciais para impulsionar o setor. Dentre as áreas específicas abordadas pelo plano, destacam-se a agroindústria, o complexo industrial de saúde, infraestrutura, saneamento, moradia e mobilidade, transformação digital, bioeconomia, e tecnologia de defesa.

O programa se apresenta como um conjunto de “instrumentos públicos de apoio ao setor produtivo”. Suas metas de longo prazo até 2033 incluem o aumento significativo da participação do setor agroindustrial no PIB agropecuário, a produção nacional de 70% dos medicamentos e tecnologias em saúde, e a transformação digital de 90% das empresas industriais brasileiras.

O cumprimento dessas metas poderá ser impulsionado por uma variedade de instrumentos financeiros e não financeiros do governo, como compras governamentais, empréstimos, subvenções, investimento público, créditos tributários, comércio exterior, transferência de tecnologia, propriedade intelectual, entre outros.

O Ministério da Indústria e Comércio enfatizou que a nova política industrial está alinhada com práticas internacionais e visa implementar uma “neoindustrialização” para promover uma indústria sustentável, forte e inovadora.

Essa iniciativa marca uma retomada das políticas de incentivo à indústria nacional, refletindo uma das metas do terceiro mandato do presidente Lula. O plano busca criar as condições necessárias para impulsionar o setor industrial, promovendo uma verdadeira revolução industrial no país.

Você pode se Interessar

Deixe um Comentário

Sobre nós

Somos uma empresa de mídia. Prometemos contar a você o que há de novo nas partes importantes da vida moderna

@2024 – Todos os Direitos Reservados.