Dólar Hoje Euro Hoje
terça-feira, 21 maio, 2024
Início » Intervenção desastrosa de Lula no mercado de arroz desencadeia pânico nacional

Intervenção desastrosa de Lula no mercado de arroz desencadeia pânico nacional

Por Marina B.

Apesar das enchentes no Rio Grande do Sul, a safra de arroz do estado, que abastece 70% do consumo nacional, deve ter apenas uma pequena queda de 1,24% em relação ao ano anterior, alcançando 7,15 milhões de toneladas, conforme estimativas do Instituto Riograndense do Arroz (Irga).

A situação deveria garantir estabilidade no mercado se não fosse pela intervenção do presidente Lula, considerada desastrosa pelo setor produtivo. Uma Medida Provisória autorizou a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), a importar um milhão de toneladas de arroz, visando “evitar especulação financeira e estabilizar o preço do produto nos mercados de todo o país”.

No entanto, o efeito foi contrário ao desejado. Após o anúncio, consumidores de várias regiões correram aos supermercados para estocar arroz, levando a Associação Brasileira dos Supermercados (Abras) a se pronunciar garantindo que os estoques e operações estavam normais e apelando para que as pessoas não estocassem o produto em casa.

Essa intervenção pode acarretar prejuízos de longo prazo. Analistas afirmam que a importação estatal poderá desencorajar os produtores gaúchos, reduzindo a área plantada na próxima safra e aumentando as importações em 2025 a preços mais altos.

Os produtores gaúchos já enfrentavam desafios com duas safras consecutivas, que foram prejudicadas por secas e altos custos de produção, tornando a importação estatal um desincentivo adicional. O governo Lula foi criticado por não considerar a situação real do mercado e provocar uma corrida aos supermercados desnecessária.

As entidades representativas da produção e da indústria do Rio Grande do Sul, emitiram uma nota à sociedade brasileira, garantindo que não há risco de desabastecimento de arroz.

Essa intervenção do governo Lula foi considerada uma falta de sensibilidade, desviando recursos públicos que poderiam ser utilizados em questões urgentes, como reconstrução de infraestrutura afetada pelas enchentes. As declarações equivocadas do presidente Lula, sobre importação de arroz de países que não são exportadores do produto, demonstram uma falta de compreensão da situação real do mercado.

Assim,fica no ar um questionamento: Qual o verdadeiro interesse do governo Lula, sabendo que não faltará arroz, tomar a decisão de importar arroz de um país amigo?

Você pode se Interessar

Deixe um Comentário

Sobre nós

Somos uma empresa de mídia. Prometemos contar a você o que há de novo nas partes importantes da vida moderna

@2024 – Todos os Direitos Reservados.