Dólar Hoje Euro Hoje
segunda-feira, 15 julho, 2024
Início » Pagamento em xeque e amor inabalável – Matheuzinho resiste à mudança; descubra os bastidores

Pagamento em xeque e amor inabalável – Matheuzinho resiste à mudança; descubra os bastidores

Por Marina B.


Em 2024, Matheuzinho, jogador do Flamengo, encontra-se em uma situação de indefinição quanto ao seu futuro. Duas propostas, provenientes de Corinthians e Botafogo, apresentam valores equivalentes, mas o atleta demonstra interesse apenas na oferta dos paulistas. Entretanto, a negociação enfrenta obstáculos relacionados à forma de pagamento e ao desgaste nas relações.

Ambos os clubes oferecem 4 milhões de euros (aproximadamente R$ 21,5 milhões), mas o Botafogo se compromete a quitar a transação de forma integral, enquanto o Corinthians propõe o pagamento em três parcelas. Adicionalmente, a excelente relação estabelecida entre John Textor e Rodolfo Landim em 2023 beneficia a proposta do Botafogo.

Recentemente, durante a partida entre Orlando e Flamengo, na Flórida, o proprietário da SAF do Botafogo e o presidente do Flamengo assistiram juntos ao jogo, com Matheuzinho sendo o foco principal das discussões. Esse encontro favoreceu o avanço do Botafogo na contratação de Pablo, que está prestes a assinar contrato de uma temporada com o rival do Flamengo.

Embora Matheuzinho manifeste preferência pelo Corinthians, as condições de pagamento propostas pelos paulistas, divididas em três parcelas, geram descontentamento no jogador. Enquanto o Botafogo permanece em stand by, não desistindo da negociação, o Corinthians enfrenta críticas pela abordagem na tentativa de obter Matheuzinho por empréstimo. O clube paulista recusou três condições impostas pelo Flamengo, conforme comunicado oficial: recusa de taxa de vitrine (proposta pelo Corinthians em 20%), valor de compra pré-fixado em 11 milhões de euros e cláusula de retorno imediato. Essa nota oficial irritou o Flamengo, resultando em uma resposta planejada, e desde então, a relação entre os clubes não voltou ao mesmo patamar. É importante destacar que no início do mandato de Augusto Melo à frente do Corinthians, a relação era positiva, com a presença de Marcos Braz na posse do presidente corintiano.

Você pode se Interessar

Deixe um Comentário

Sobre nós

Somos uma empresa de mídia. Prometemos contar a você o que há de novo nas partes importantes da vida moderna

@2024 – Todos os Direitos Reservados.