Dólar Hoje Euro Hoje
quinta-feira, 25 julho, 2024
Início » GPS comprova que CVC, pivô de operação contra Jordy, estava longe de Brasília no 8/1. E agora?

GPS comprova que CVC, pivô de operação contra Jordy, estava longe de Brasília no 8/1. E agora?

Por Alexandre G.

O epicentro da operação que mirou o deputado federal Carlos Jordy, líder da oposição na Câmara dos Deputados, Carlos Victor de Carvalho, conhecido como “CVC”, não se encontrava em Brasília em 8 de janeiro de 2023.

Documentos apresentados pela defesa em processo revelam que o GPS do celular de CVC indicava sua presença em Campos dos Goytacazes, cidade no interior do Rio de Janeiro, no fatídico dia em que as sedes dos Três Poderes foram alvo de depredação.

O rastreamento do dispositivo mostra que às 11h12, CVC dirigiu até o Parque do Prado, circulou pelas proximidades de uma escola e estacionou no supermercado Super Bom, no Centro de Campos, permanecendo lá até as 12h07.

No dia seguinte, em 9 de janeiro de 2023, câmeras de segurança da loja Açaí Bom e Gostoso na mesma cidade registraram CVC no interior da lanchonete às 19h. Essas evidências contradizem a versão da Polícia Federal, superintendência de Campos, que alegava a presença do militante em Brasília no dia 8 de janeiro.

A defesa argumenta que CVC não pisa em Brasília há anos, tornando impossível sua participação nos eventos antidemocráticos na capital. O deslocamento de Campos para Brasília, seja de carro (17h), ônibus (24h) ou avião, seria facilmente identificado pela polícia.

O embasamento visa refutar a tese da Polícia Federal, que acusava CVC de participação presencial nos eventos de 8 de janeiro, baseada em uma foto anexada ao inquérito.

No pedido de revogação de prisão, a defesa sustenta que a foto em questão foi tirada durante a posse de Bolsonaro e postada em 19 de janeiro de 2019. CVC a republicou no fatídico 8 de janeiro de 2023, criticando o presidente, mas a excluiu horas depois, afirmando, em vídeo no dia seguinte, que não participara dos eventos em Brasília.

O pedido de prisão da Polícia Federal alega que CVC seria a principal liderança de extrema-direita em Campos, com conexões influentes, e a operação de busca e apreensão contra Jordy foi ordenada pelo ministro do STF Alexandre de Moraes.

Você pode se Interessar

Deixe um Comentário

Sobre nós

Somos uma empresa de mídia. Prometemos contar a você o que há de novo nas partes importantes da vida moderna

@2024 – Todos os Direitos Reservados.