Dólar Hoje Euro Hoje
sexta-feira, 12 julho, 2024
Início » Deputado aciona Ministério Público contra ex-deputado José Genoíno por boicote antissemita

Deputado aciona Ministério Público contra ex-deputado José Genoíno por boicote antissemita

Por Alexandre G.

O deputado estadual Guto Zacarias, representante da União-SP, formalizou uma notícia-crime ao Ministério Público de São Paulo (MP-SP) contra o ex-deputado federal José Genoíno, do PT-SP, que, em uma transmissão ao vivo, defendeu um boicote às “empresas de judeus”. Zacarias alega que Genoino cometeu crime de racismo, argumentando que o boicote proposto viola a liberdade de crença prevista na Convenção da ONU contra toda forma de discriminação, além de privar empresários judeus de direitos com base em motivos de crença religiosa, o que contraria a Constituição Federal. Procurado pelo Estadão para comentar a acusação, Genoino optou por não se manifestar.

A notícia-crime, um alerta que qualquer cidadão pode fornecer, informa às autoridades sobre a prática de um crime. Ao receber a notificação, a autoridade competente, seja a polícia ou o Ministério Público, por exemplo, pode iniciar a investigação dos fatos relatados. Guto Zacarias solicita que o Ministério Público Federal “inicie a persecução penal em desfavor de José Genoino” e, caso o MPF considere que não há elementos para iniciar a ação penal, pede a abertura de um inquérito policial.

O deputado baseia sua acusação na violação do artigo 20 da Lei Antirracismo, que caracteriza o ato de “praticar, induzir ou incitar a discriminação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional”. Zacarias destaca que o STF já firmou entendimento, desde o caso Ellwanger, que os judeus são considerados uma raça e, portanto, protegidos pela Lei Antirracismo.

Você pode se Interessar

Deixe um Comentário

Sobre nós

Somos uma empresa de mídia. Prometemos contar a você o que há de novo nas partes importantes da vida moderna

@2024 – Todos os Direitos Reservados.